por Valéria Centeville

Terminei meu relacionamento. E agora?

Muitas pessoas se sentem perdidas quando terminam um relacionamento amoroso. Sentem como se lhes faltasse uma parte. Até mesmo para as pessoas mais evoluídas e maduras costuma ser doloroso superar uma separação, principalmente se tiver acontecido uma traição.

No início é normal chorar, ficar triste, dormir mal, ficar pensando o tempo todo na pessoa. É como se tudo lembrasse a pessoa de quem se separou. É importante se permitir chorar, viver o luto, a perda, pois reprimir as emoções pode gerar doenças. O choro ajuda a soltar a tristeza e outros sentimentos negativos. Chorar faz bem à saúde.

Algumas pessoas preferem ficar em casa nesse período de luto, enquanto outras saem desesperadamente em busca de um novo amor. Cada um tem seu jeito e isso precisa ser respeitado.

Acho muito interessante fazer orações pedindo pra Deus tirar a tristeza e a mágoa que houver no coração. Fazer respirações e meditações para se conectar com a própria essência divina pode ajudar muito, pois é nos momentos mais difíceis que precisamos sentir Deus nos nossos corações.

Fazer passeios leves e divertidos com os amigos pode ser muito bom. É comum, no entanto, algumas pessoas terem se afastado dos amigos durante o relacionamento. Nesses casos, pode ser muito saudável tanto reatar antigas amizades quanto fazer novas. É importante também dar para si mesmo muito amor e carinho e não ficar se culpando por possíveis erros cometidos no relacionamento, pois isso só piora o humor. Perdoar-se, elogiar-se, colocar-se para cima e lembrar a pessoa especial que você é são dicas muito importantes.

Devemos levar para o futuro apenas os aprendizados que tivemos num relacionamento para não cometermos os mesmos erros. E dar tempo ao tempo, deixar a ferida cicatrizar. Precisamos ter paciência conosco, pois isso faz parte do amor próprio.

E, se a superação do rompimento estiver sendo muito difícil, precisamos procurar ajuda profissional de um terapeuta, pois ela pode dar um grande alívio e acelerar o processo de cura do coração ferido. Buscar ajuda quando necessitamos é sinal de sabedoria, pois estamos aqui para ajudarmos uns aos outros.

Valéria Centeville

+ artigos

Terapeuta holística espiritual desde o ano 2000, médium, trabalha com captação mediúnica, canalização de mensagens dos mentores espirituais, terapia de vidas passadas, terapia reencarnacionista, terapia regressiva (regressão de memória), hipnoterapia (hipnose), terapia floral, magnified healing e leitura da alma.

fone (11) 94236-6486

email valtvp@gmail.com