por Erickson Rosa

5 formas de eliminar o medo paralisador

Ter medo é algo natural. Essa emoção está atrelada a nosso instinto de sobrevivência. Se não tivéssemos o medo estaríamos sempre nos colocando em situações de risco, e não nos afastaríamos de situações que colocam nossa vida em perigo.

Entretanto, o medo pode nos paralisar em situações que requerem nosso empenho. Algumas vezes, esse medo pode ser apenas fruto de nossa imaginação e de nossa falta de confiança na vida e em nós mesmos. Esse mesmo medo nos paralisa diante dos desafios de nossa vida, desafios que devemos superar para atingir nossos objetivos que nos propusemos a alcançar.

Veja que sentir medo diante a uma nova situação que lhe traz algum risco, mesmo que imaginário, é natural. Você pode se sentir apreensivo diante de uma apresentação, a abertura de um novo negócio, ao início de um relacionamento, etc. No entanto, se o medo paralisa você, ou faz que perca oportunidades em sua vida, é hora de você trabalhar para que esse medo seja modificado por uma postura mais confiante e segura.

Escrevi anteriormente outro artigo onde ensino três formas para você acabar com a ansiedade paralisante. Você pode ler ambos para que tenha diferentes estratégias de lidar com o medo.

Aqui darei a você 5 dicas que funcionaram (e ainda funcionam) muito bem comigo e com diversas pessoas que atendo e oriento em meus cursos, palestras e seminários. Essas dicas são simples e qualquer pessoa pode fazer. Vamos a elas:

1ª Aumente sua autoestima:

Elogie-se mais. Para isso faça uma lista de todas as suas qualidades e das coisas que já realizou em sua vida. Você pode começar por coisas simples, como ajudar alguém, fazer seu trabalho de forma correta, etc. Esse tipo de ação faz com que você aumente sua autoestima e o sentimento de gostar de si mesmo.

2ª Reduza as críticas negativas de si mesmo: 

Criticar-se excessivamente faz com que você reduza sua autoestima e sua confiança em si mesmo. Errar faz parte de seu aprendizado, por isso não se critique tanto quando errar. Aprenda com seu erro e não tenha medo de errar. Afinal, para termos decisões acertadas precisamos ter experiência, algo que somente as decisões erradas podem nos dar.

3ª Confie em si mesmo:

Quando tomar uma decisão confie em suas escolhas, mesmo que essas não produzam o efeito esperado, saiba que sua escolha foi a melhor naquele momento. Saiba que mais vale uma decisão errada do que nenhuma decisão tomada.

4ª Não tenha medo de ser criticado:

Ser criticado por seu desempenho pode parecer ameaçador, mas ao mesmo tempo também pode ser enriquecedor. A crítica externa talvez seja um ponto de melhoria que você sozinho não conseguiria observar. Por isso é fundamental sermos flexíveis com as críticas, entendendo que essas críticas podem ser utilizadas positivamente e que não devemos nos ofender com elas, mas sim entendermos que podem ser utilizadas para nosso crescimento.

5ª Aprenda com o erro:

O medo de errar está altamente ligado a nossa falta de iniciativa e, consequentemente, ao medo paralisador. Contudo, se entendemos que o erro pode ser utilizado como algo a ser aprendido, entendemos que errar faz parte do processo de alcance de um objetivo. Em suma, o primeiro passo para o sucesso é o fracasso em algo.

Entender que errar faz parte de nossa caminhada reduz o medo e a ansiedade, gerando mais aceitação dos momentos de erro.  

Erickson Rosa

+ artigos

Terapeuta holístico, Mestre Reikiano e formado em psicoterapia holística. Fundador do Coach Matinal e autor do e-book Ansiedade Sem Remédios. Ministra cursos e eventos com temas como a motivação, psicossomática, fisiognomonia e meditação.