por Ana Beatriz Monteiro

Alma de Viajante

Qual foi a última viagem que você fez? A última vez que você saiu de casa e descobriu um mundo diferente do seu?

A primeira vez que eu fiz um mochilão - daqueles de dormir em albergue, procurar os restaurantes mais baratos da cidade e descobrir que sou apaixonada por passeios gratuitos - ouvi de outro mochileiro a seguinte frase, que me fez sonhar em viajar muito mais: “Quando foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?”.

Não era de autoria dele, mas sim, um pensamento interessante que se tornou um lema comum a muitos viajantes. A última vez que você fez algo pela primeira vez. É um incentivo a buscar novidades, ir atrás de aventuras, desafiar a rotina. E, para mim, talvez porque tenha ficado tão ligada àquela viagem, a frase é praticamente um chamado a ir conhecer o mundo.

O ser humano adora viajar. Pergunte por aí, você pode até encontrar os apaixonados por seu cantinho que não o trocam por nada, mas, com certeza, a maioria vai dizer que adora botar o pé na estrada. Viajar é uma das experiências mais enriquecedoras que podemos realizar. Conhecer lugares e pessoas diferentes é uma daquelas lições que não se aprende em livros, ou “ouvindo falar”. Explorar o mundo é fazer com que ele seja, um pouco mais, parte de você.

E agora volto à pergunta do primeiro parágrafo. Qual foi a última viagem que você fez? Se já faz muito tempo, que tal começar a planejar uma agora mesmo? Tem gente que acha que para encontrar o verdadeiro valor de uma viagem, é preciso ir para um lugar distante ou desconhecido, o que não é lá a coisa mais fácil de fazer. Mas eu não acredito nisso.

Acredito que qualquer viagem – até aquela ida a praia que você já fez uma porção de vezes – pode ter todo um significado especial. Basta que você saia de casa disposto a descobrir algo diferente. A fazer algo novo, pela primeira vez. A ver até mesmo a sua própria cidade com olhos de turista. Mais do que precisar de muito tempo e dinheiro, é preciso abrir a sua alma ao novo e pegar a estrada. Qual estrada? Essa mesma, a que vai te levar a qualquer lugar que você queira ir.

Ana Beatriz Monteiro

+ artigos

Futura roteirista, nerd e viciada em chá de maçã. Acredito, mais do que tudo, no poder das palavras. Amo fotografia e meu sonho é correr o mundo e trazer muitas fotos pra casa. Aí morrer de saudade e querer tudo de novo, outra vez.