por Paulo Bregantin

O que são objetivos?

Ouvimos muito falar sobre o tema "OBJETIVO". Acho que primeiro de tudo vou verificar o que o dicionário fala sobre essa palavra:

Objetivo “Relativo ao objeto; direto, prático; positivo; que expõe, investiga ou critica as coisas, afastando quaisquer sentimentos pessoais, fim que se quer atingir. ”

Bem quando observamos o que o dicionário quer dizer vemos que nem todo objetivo é verdadeiramente um objetivo, pois por muitas vezes nós não analisamos nossos objetivos, ou quem sabe nós confundimos com desejo. Vou te dar um exemplo:

Uma pessoa quer ganhar um melhor salário, logo seu objetivo é mudar de emprego ou ser promovido no seu emprego atual, não é mesmo? Mas isso não é objetivo, e sim desejo, pois se uma pessoa tem o objetivo de ter um melhor salário, a primeira coisa que ela precisar saber é se autoavaliar, para saber qual seu potencial, qual seu grau de conhecimento (profissional), qual seu nível de estudo, qual seu tempo disponível, enfim, tudo começa na autoanálise; mas como isso acontece?

  • Faça uma relação de tudo que você gosta de fazer; 

  • Faça, agora dentro dessa relação, uma classificação de acordo com o que você é melhor; 

  • Selecione as três primeiras coisas que você mais gosta; 

  • Veja se você tem a qualificação para fazer estas coisas (estudo, conhecimento, etc.); 

  • Veja em livros ou jornais quem são as melhores pessoas no ramo que você escolheu, leia sobre estas pessoas, vejam quais são as principais características delas; 

  • Veja como você está atualmente quando comparado a essas pessoas; 

  • Trace um plano de autodesenvolvimento e vá à luta.

Ser uma pessoa com objetivos não é ser um sonhador, mas sim um realizador, pois o mundo está carente de pessoas com objetivos claros e bem definidos; no mundo atual não há mais lugar para aquelas pessoas despreparadas e somente com vontade. Hoje, mais do que nunca, necessitamos de pessoas que sejam inteligentes e determinadas.

Caso você deseje fazer parte do mundo atual, seja na esfera profissional ou pessoal, você deverá entender que sem objetivos será muito difícil conquistar as coisas básicas da vida, ou seja, comer (bem), beber (bem) e dormir (bem).

Vou passar agora algumas características de pessoas que NÃO têm objetivos:

  • Desmotivada, (está sempre cansada); 

  • Sempre diz “Não vai dar certo”, “Esse mundo não tem jeito”; 

  • Está sempre de "saco cheio" com tudo; 

  • Não para no emprego; 

  • Está sempre reclamando do salário; 

  • Não gosta de ler, nem ver jornais; 

  • Nunca chega no final de nenhum projeto; 

  • Não pratica esportes; 

  • Põe sempre a culpa nos outros; 

  • Está sempre de mal com a vida.

Caso você esteja bem encaixado nestas 10 características, preocupe-se, pois você está desperdiçando sua vida com preocupações bobas. Creio que chegou a hora de virar a mesa e começar uma vida nova, cheia de alegria. Pense positivo, renove suas amizades, frequentes outros lugares, respire novos ares, leia mais livros, enfim, mude.

Uma vida sem objetivos é uma vida triste e monótona, trace planos para seu futuro, escreva isso numa folha de papel. Trace objetivos para os próximos dois anos, para os próximos cinco e dez anos, e vá à luta para conquistar esses objetivos. Saiba que fazendo isso as pessoas verão em você alegria e o mundo será muito mais atraente.

Tenho visto em minha vida muitas pessoas conseguindo seus objetivos, lembro-me de meu pai que me contou sobre quando chegou em São Paulo, pois veio de São José do Rio Preto em 1965. Na época em que chegou aqui, em um bairro da periferia da zona Oeste, ele não tinha absolutamente nada, então foi trabalhar como pedreiro. Nesse período ele pagava aluguel, porém no fundo do seu coração estava brotando um objetivo, que era de ter uma casa, um carro. E todo o dinheiro que entrava meu pai guardava uma pequena parte na poupança, os anos foram se passando e em pouco tempo meu pai já tinha sua casa e seu carro. Lembro-me que meu pai deu um carro para cada filho, e olha que nós éramos em quatro irmãos.

Não posso esquecer, claro, de minha mãe que lavava roupa para outras pessoas e também costurava. Hoje meu pai está aposentado, seus filhos estão criados, ele tem sua casa, seu carro. E quando pergunto para ele como conseguiu tudo isso ele me responde que foi com muito trabalho, porém com muito objetivo e determinação. Meu pai diz: “nada vem de graça”.

Quando você estabelecer objetivos para sua vida, com certeza num futuro próximo você colherá bons frutos e sua história será escrita.

Qual a diferença entre desejo e objetivo? Creio que várias pessoas têm entendido de forma muita errada o que significa objetivo, pois o que as pessoas têm são desejos, por exemplo, quando uma pessoa deseja ganhar mais dinheiro, ela tem duas saídas: ou solicita para o patrão um aumento de salário ou muda de emprego, porém isso não é objetivo e sim um simples desejo, pois não é tão fácil pedir um aumento ou mudar de emprego. Vamos transformar isso em objetivo para que você realmente viva sua vida com objetivos. Devo falar para você sobre três coisas importantes que são:

  • Quem sou? 

  • Onde estou? 

  • Para onde vou?

Para que você possa descobrir se tem objetivo ou não, faça sempre as perguntas acima. Voltando para o exemplo do ganhar mais dinheiro, a primeira coisa que você deve saber é quem você é. Você tem qualificações para pedir aumento de salário?

Você tem estudo suficiente para mudar de emprego? Enfim, antes de começarmos a ter simplesmente desejos, nós precisamos nos conhecer tanto por dentro como por fora para que consigamos verdadeiramente ter em nossas vidas objetivos claros.

O segundo ponto é “onde estou?”, ou seja, o que estou fazendo atualmente é algo muito bom que posso solicitar que os outros me admirem? Ou simplesmente estou fazendo o que a maioria faz?

Depois de avaliar esses pontos vamos pensar no futuro ou “para onde vou?”. Nada na vida acontece por acaso, você conquista aquilo que você quer, o futuro é feito de passado e presente, por isso olhe bem para seu passado e para o que você é hoje e, então, olhe para seu futuro.

Tenho me deparado com muitas pessoas no meu dia a dia que estão sem objetivos, pois elas não conhecem a si mesmas, não sabem seu verdadeiro valor, são pessoas guiadas por impulso, por ganância. Isso tem acontecido porque não temos observado nossos pais ou parentes mais velhos e, com isso, perdemos oportunidades de aprendermos coisas importantes para a manutenção de nossas vidas aqui na Terra. 

Sem dúvidas, para viver num mundo mais verdadeiro, precisamos conhecer uns aos outros e traçarmos para nossas vidas melhores objetivos, deixando de lado somente os desejos e praticando este exercício de traçarmos objetivos para nossas vidas, de forma a atuarmos de maneira mais forte dentro dessa sociedade tão carente de pessoas determinadas e com garra.

Minha maior expectativa é que você descubra dentro de você mesmo as principais respostas da vida, que você seja um observador de oportunidades para se autodesenvolver, conquistar e ultrapassar todos os seus limites. Pois o mundo impõe sobre nós muitos limites e, com isso, muitas pessoas são desencorajadas a avançar, ou seja, conquistar seu espaço na história.

Não deixe sua chama apagada, vá em frente com garra e determinação e, com toda certeza, você conquistará seu mundo.

Saia do seu normal, lembre-se que você é exatamente o que você declara e acredita, tenho absoluta certeza que você é capaz de fazer basicamente todas as tarefas e obrigações que lhe são impostas. Caso isso não esteja acontecendo, não se apavore, busque dentro de você a força para causar uma revolução na sua própria vida, buscando bem no seu íntimo; faça uma renovação em sua vida, avalie seus amigos, parentes, lugares que você está frequentando, pois dependendo de como você esteja é muito difícil e quase impossível criar novos objetivos e assim viver uma vida mais completa e feliz.

Paulo Bregantin

+ artigos

Mais de 25 anos dedicado ao cuidado de pessoas, sendo Psicanalista Clínico e escritor com várias obras publicadas. Atua nas redes sociais como dono, gerenciando a página Paulo Bregantin e o Grupo Psicanálise Integrativa.

facebook /Paulo-Bregantin