por Erickson Rosa

Uma estratégia contra a autossabotagem

A autossabotagem é um processo que acontece com pessoas que repetem as estratégias aprendidas em sua vida de maneira repetida, sem se dar conta que esses comportamentos sabotam sua felicidade.

Para a psicologia cognitiva, há uma repetição de comportamentos e estratégias desenvolvidas para lidar com as situações. A pessoa “não enxerga” outra possibilidade de ação, apenas aquela aprendida.

Por exemplo, digamos que uma pessoa seja muito tímida e possui dificuldade de falar com outras pessoas, de manter contato e se aproximar. Conversar com outros indivíduos gera ansiedade, dessa forma, ela evita manter esse contato para que não sinta ansiedade. Assim, apesar de sentir-se sozinho, essa estratégia funciona em um curto prazo, pois reduz a tensão desta pessoa. Entretanto, ela não consegue fazer suas relações prosperarem.

Da mesma maneira que esse indivíduo tímido, podemos ter diversos comportamentos (os quais não nos damos conta) que geram resultados negativos em nossa vida. Segundo Steven Hayes, criador da ACT (Terapia de aceitação e compromisso), os principais problemas de nossa vida ocorrem porque ficamos lutando contra esses pensamentos, ao invés de aceitá-los. No exemplo de cima, a pessoa tímida luta contra a ansiedade, gerando mais essa sensação. Ela entra em um ciclo de ansiedade, pois ter ansiedade a deixa mais nervosa.  

Se a pessoa aceitasse sua ansiedade e compreende-se que ela tende a baixar (pois o pico dura no máximo de 20 a 30 minutos), isso a faria desenvolver outro comportamento, como o de falar com outras pessoas. Assim, aceitar a ansiedade, paradoxalmente, irá fazê-la diminuir. A aceitação dos pensamentos negativos leva a pessoa a compreender que pode seguir outra direção que não seja a luta contra sua própria mente.

Quanto mais lutamos contra nossos pensamentos, mais sofrimento acabamos gerando, pois parece ser impossível lutar contra as emoções geradas e os pensamentos negativos. Assim, ficamos em uma luta constante contra nossa própria realidade interna.

Contudo, você pode olhar para essas emoções e pensamentos como algo que é seu, porém, não é você. É como uma gripe, você está naquele momento com gripe, e não é a personificação da gripe. Acontece da mesma forma se você tem ansiedade, depressão, estresse, falta de prosperidade, raiva, dificuldade nos relacionamentos, etc. Esses todos são estados e não quem você é realmente. Esse novo olhar sobre suas emoções, sentimentos e situações permite que haja uma mudança, pois se é um estado, e não quem você é, isso pode ser modificado.

Se você está com um problema em seus pulmões, não pensa em retirá-los. Você cuida de seus pulmões. Assim é com nossos pensamentos e emoções negativas. Cuidamos deles, entendendo que essas emoções não são nós, mas sim nossas.

Veja que você cria esses pensamentos e emoções de acordo com as experiências que vivenciou no passado. São formas de agir diante das situações. Porém, sua mente é livre e pode escolher outras maneiras de agir. No Coach Matinal, ajudamos você a desenvolver essas estratégias, para que consiga criar uma nova realidade em sua vida. Não é fácil, mas com certeza seu empenho lhe traz resultados.

Se quiser saber mais sobre a autossabotagem, pode ler os outros textos que deixo aqui no Horóscopo Virtual, ou então acessar o Canal do Coach Matinal no Youtube. Espero você lá. Um grande abraço.

Erickson Rosa

+ artigos

Terapeuta holístico, Mestre Reikiano e formado em psicoterapia holística. Fundador do Coach Matinal e autor do e-book Ansiedade Sem Remédios. Ministra cursos e eventos com temas como a motivação, psicossomática, fisiognomonia e meditação.