por Erickson Rosa

Acabe com a Autossabotagem Emocional

Você já ouviu a frase “nossas emoções nos dominam”? A grande maioria das pessoas acredita ser racional, mas a verdade é que somos seres que respondem e se movimentam por causa de nossas emoções. Acontece que usamos a nossa cognição para argumentar e explicar as ações que tomamos por causa de nossas emoções. As emoções acabam tendo mais impacto nas decisões do que todo o processo mental. 

Por isso resolvi escrever esse artigo para que você não seja refém de suas emoções e aprenda a lidar com elas. Nesse artigo você irá aprender: 

  • Como as emoções podem dominar você; 

  • Como não cair nessas armadilhas; 

  • Uma estratégia para evitar a autossabotagem emocional.

Como funciona a nossa decisão emocional 

Você está caminhando pela rua quando observa uma linda camisa. O objeto desperta em você uma sensação de bem-estar e você pensa que aquela peça ficaria ótima em você. Sua emoção toma conta e nesse momento você não pensa o quanto vai usar, se o valor está alto ou se a peça realmente vale o preço. Sua primeira emoção é de comprar a camisa. 

Entretanto, sua cognição começa a funcionar e você começa a pesar o valor e questionar se vale a pena. Após um tempo, você decide comprar e acredita que tomou a decisão por uma questão lógica. Mas, na verdade, foi sua emoção que levou você a tomar a iniciativa e a convencer sua cognição de que era o melhor a fazer. 

Outro exemplo é quando estamos em meio a uma discussão. Nossa emoção nos leva a defender nossa posição, em vez de apaziguar as relações. A maioria das pessoas, quando ocorre algum atrito, tenta firmar sua posição, em vez de olhar o ponto de vista do outro. Quem nunca se arrependeu de falar coisas depois de uma discussão acalorada que atire a primeira pedra. 

O que estou querendo dizer é que sim, nossas emoções podem nos sabotar. Contudo, podemos desenvolver estratégias para não sermos levados apenas por nossas emoções. 

Uma estratégia para controlar as emoções 

Se aumentamos a atenção às nossas emoções, fica muito mais difícil elas nos dominarem. Se, no momento em que você está com raiva, você percebe que sua decisão está sendo afetada por essa emoção, consegue evitar fazer as péssimas escolhas que se faz nesse estado. 

Então podemos aumentar nossa atenção e consciência em nossas emoções. Podemos começar aos poucos, em emoções menores, para depois irmos para as mais difíceis. Por exemplo, comece prestando atenção às emoções que dominam você quando vai ao mercado, quando passeia no shopping e quando está tomando alguma decisão simples em sua vida. Assim, você começa a criar o hábito de sair da automatização da emoções, que é quando somos levados a tomar ações por nossas emoções sem nem percebermos isso, de maneira automática. 

Você pode também reservar 30 minutos de seu dia para meditar e focar em sua respiração. Esse tipo de prática aumenta sua atenção no momento presente e faz com que você adquira maior consciência sobre si mesmo. Adotando práticas simples como essas, você consegue aumentar a consciência de suas emoções e ampliar seu controle emocional. 

Se gostou, não se esqueça de compartilhar e enviar para uma pessoa que você goste. Tenho certeza de que ela adorará o presente. Um grande abraço e até o próximo artigo. 

Erickson Rosa

+ artigos

Terapeuta holístico, Mestre Reikiano e formado em psicoterapia holística. Fundador do Coach Matinal e autor do e-book Ansiedade Sem Remédios. Ministra cursos e eventos com temas como a motivação, psicossomática, fisiognomonia e meditação.