por Giovanna Sapienza

União

Chegou a hora de repensarmos nossa postura, individual e social. Será que este tipo de comportamento que estamos adotando frente a situações que envolvem diversidade de opiniões está correto? As eleições foram um ótimo exemplo disso, em poucos dias as redes sociais, internet, emissoras de televisão, rádios e outras mídias se tornaram verdadeiros campos de guerra. Agora analisemos com racionalidade, será que realmente esta é a melhor forma de agir? Será mesmo que discutir, atacar, brigar e criticar com agressividade e ira é a melhor forma de fazer a mudança que tanto queremos no nosso país? 

Fomos tomados por uma agressividade ímpar e falta de respeito com a opinião e o posicionamento do próximo.

Precisamos entender que somos parte de um TODO, que estamos aqui neste orbe terrestre, com todos estes irmãos, para aprendermos. Aprendermos a falar, a nos posicionar, a respeitar os limites e o espaço do outro, aprendermos a amar independente da realidade ou ideal de cada um. 

A vitória está além da conquista de um partido, a verdadeira VITÓRIA só se concretizará quando olharmos para dentro de nós e recuarmos frente à dualidade. Quando assumirmos e praticarmos a importância do respeito, do amor e da união.

"Mude, mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade."
Clarice Lispector

Hoje eu convido você a analisar todo este posicionamento e comportamento que vem adotando ao longo de sua vida. Mais do que isso, quero que você entenda que se realmente busca mudanças na sua vida, na sua realidade e no seu País, precisa começar a mudar suas próprias intenções e reações. Nunca conseguiremos construir a nação e o mundo que tanto desejamos se continuarmos a olhar somente para fora, culpando as pessoas e as situações externas por nossas desgraças. Talvez, hoje tenhamos tão pouca diversidade de candidatos e soluções políticas, justamente pela nossa forma de pensar e agir, pelas coisas que damos valor e pela forma que nos posicionamos diante de nossos “adversários”.

Não existem adversários, existem irmãos que estão no mesmo processo evolutivo que o seu, que mesmo inconsciente, buscam o desenvolvimento e o aprimoramento interior, pois esta é a natureza do espírito. Eles sofrem, choram e buscam respostas assim como você, querem crescer e resolver seus problemas, querem simplesmente ser felizes!

Olhe para dentro

Já que todo mundo quer ser feliz, mais uma vez eu bato na mesma tecla, olhe para dentro de si. Sua vida só terá sentindo quando você assumir as rédeas dela, e entender que a autorresponsabilidade vai muita além de tomar as próprias decisões, ela está relacionada com o comprometimento de uma nova postura, com a adoção de novos sentimentos e de novas ações. 

Quando optamos pela autorresponsabilidade não reclamamos das intempéries e dos problemas pelos quatro cantos. Internalizamos e entendemos que nossos resultados e a realidade do mundo não está fora de nós, eles estão diretamente relacionados com aquilo que acreditamos e reproduzimos diariamente.

Se você não fizer a sua parte dentro de você, as coisas continuarão do mesmo jeito.

Vamos começar esta mudança hoje mesmo, vamos espalhar esta nova ideia, este novo sentimento a todos que conhecemos. Faça a mudança dentro de você, e espalhe-a através de suas ações, dando exemplos e levando às pessoas uma nova forma de enxergar a vida.

Giovanna Sapienza

+ artigos

Terapeuta Holística, Jornalista e espiritualista, fundadora do projeto Saber Pleno. Amante de arte, comunicação e natureza, já estuda espiritualidade e novos caminhos para saúde e bem estar há 5 anos. Acredita muito nas relações pessoais, nos processos energéticos e nos bons sentimentos como caminho para uma vida feliz.

Frase de cabeceira: “A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional.”